dicas despachadas

Coletânea de Perrengues de viagem Despachadas

Atualizado em:
Perrengues de viagem

Vocês podem achar que eu sou doida mas juro que acho até legal quando tem uns perrengues de viagem pra contar depois. Eles são, sem dúvida, as melhores histórias que ficam na nossa memória e, com certeza, o que mais nos faz rir depois que passa! Claro que tudo vai depender do perrengue. Eu, até hoje, passei por muitos perrengues, muitos meeeesmo! Mas nenhum deles estragaram completamente a minha viagem, um diazinho talvez! 🙂

Vocês podem achar, então, que eu nunca passei por um perrengue de verdade. Mas eu afirmo que sim, ou vocês não acham perrengue descobrir em cima da hora que você não pode atravessar a fronteira de um país com o carro que alugou e que corre o risco de passar o Réveillon dentro na fronteira do Chuí com Uruguay? Esse perrengue eu contei nesse post, onde, além dessa história, eu informo o que é necessário para você não passar o mesmo perrengue que eu!

Também já contei aqui no blog, nesse post, alguns (10) perrengues que aconteceram em uma única Eurotrip. Alguns mais leves, como só se dar conta de que foi furtada em Barcelona na hora de pagar o taxi – de madrugada- e não ter dinheiro, ou ficar horas parada na estrada porque o ônibus da excursão para o  Lock Lomond, na Escócia, quebrou em um lugar que não tinha sinal de celular. E outros mais tensos como chegar no seu hotel, em Mykonos, depois da meia-noite, morta de cansada, não ter quarto disponível e ter que dormir na praia. Ou acordar as 3h da manhã com o barulho do seu colega de quarto do hostel, em Roma, fazendo xixi na penteadeira do quarto, achando que estava no banheiro. Que tal?

Além desses, já perdi um dia de viagem em Jericoacoara porque comi algo estragado. Já dormi no aeroporto, em New Orleans, porque meu vôo para Fort Lauderdale foi cancelado e, por isso, ainda perdi meu vôo para o Brasil. Já fiquei 4 dias sem mala em Amsterdam porque deixaram a minha mala na conexão.  Já passei um perrengaço com o motorista de um transfer em Istambul, que contei no final desse post

Olha, vou te falar que não foram poucos não! Já vivi muitos outros perrengues, e acredite: são as melhores histórias das minhas viagens! Hoje agradeço por ter vivido cada um deles (menos o de Jeri e perder o vôo pro Brasil) e por terem contribuído para muitas gargalhadas quando tudo ficou bem! hehe

Você já passou por algum perrengue de viagem? Compartilhe nos comentários seus melhores (ou seria piores?) perrengues!

Esse post faz parte da Blogagem Coletiva com o tema Deu Ruim – Histórias de Perrengue realizado por vários blogs de viagem. Confira abaixo várias histórias engraçadas (e outras nem tanto) de todos os blogs participantes!

perrengues de viagem

 

Casal CalifórniaPerrengues de Viagem: muitas histórias para contar

Destinos por onde andei…Tax Free, nunca mais embarco nessa canoa furada

Pequeno Grande MundoO dia em que quase fui atropelada por um elefante

Vida de EstrangeiraPerrengue na Turquia

Ligado em ViagemNosso “Kit Viagem” para evitar perrengues

Foco no MundoOs piores perrengues das minhas viagens

Felipe, o pequeno viajanteColetânea de perrengues do pequeno viajante

Atravessar Fronteiras – Perrengue total na união entre cinzas vulcânicas e Aerolineas Argentinas

Passeiorama Perrengando por aí: nossos perrengues viajando em família

Família ViagemNossos perrengues de viagem

Mochilão Barato Fiquei doente no exterior! E agora? Os dias que fiquei de cama no Chile.

Por aí com os PiresPerrengues de viagem – Blogagem coletiva<

Novo CaroneiroDeu ruim! Blogagem coletiva de perrengues de viagens

Colecionando Ímãs Viajando com a Ethiopian Airlines: perrengue a caminho do Japão!

O Melhor Mês do AnoTorres del Paine: acampando sob chuva e ventos de 100km/hr

Volto LogoSobre a importância de reservar hospedagem e pesquisar os feriados do seu destino

Turista FulltimeVoo cancelado e os oito passos para driblar o perrengue

Apure Guria! – Perrengues na Ásia: deu ruim!

Viajei BonitoNossos 15 dias de desventuras na Rússia

VoupraRomaGrécia sem inglês! Tá falando grego?

[Quer receber mais dicas de viagem?]

Curta nossa página no Facebook
Siga o nosso perfil no  Instagram, no Pinterest e no Bloglovin
Assine o blog


Está sem tempo para pesquisar e montar a sua viagem? Entre em contato, que preparamos um Roteiro Personalizado pra você!

 RESERVE SUA VIAGEM USANDO NOSSOS LINKS PARCEIROS E AJUDE O BLOG 

Onde dormirReserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opção de cancelamento gratuito e sem pagamento antecipado!

Onde alugar carroPrecisa alugar um carro? Na RentCars  a cobrança é feita em reais, sem IOF e em até 12x sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.

Onde comprar ingressosGaranta sua entrada antecipada nas atrações e evite filas! O TicketBar oferece ingressos para as atrações, tours, passeios de bike, barcos e muitas outras opções! 

Seguro viagemE não esqueça do seguro viagem. Na  Seguros Promo o pagamento pode ser  em até 6x sem juros no cartão ou com desconto de 5% no boleto. 

Ao reservar com um parceiro através dos nossos links recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado com novas dicas de viagem. Obrigada! =)

Marianne Rangel

por Marianne Rangel

Meio carioca, meio niteroiense, é apaixonada por viagens, mapas e pôr do sol. Jornalista de formação, largou seu emprego estável onde trabalhava para viajar, e foi viver a vida incerta de travel blogger. Hoje viaja para trabalhar, e é muito mais feliz!

24 Comments

Avatar Camila Lisbôa

Eu tinha lido a história do carro na fronteira do Uruguai (que merda, btw), mas essa de gente fazendo xixi no quarto aconteceu comigo (bom, não fui eu, antes de mais nada hahaha).

Uma menina chegou BÊBADA DE VERDADE no hostel que eu tava, em Quito, e consegui não só fazer xixi na cama, mas fazer xixi na cama de um desconhecido e ainda cair da beliche. Imagina eu, no primeiro piso, escutando o barulho desse ser caindo da cama?! Pensei que tinha morrido!

No final, o ser tava bem, mas a gente deu tanta risada da coisa, que nem dormi essa noite hahah

responder
Marianne Rangel Marianne Rangel

hahaha Esse ser também estava bêbado, junto com a sua namorada, que nem se mexeu mesmo depois de acendermos todas as luzes e gritarmos com ele. O cara da recepção subiu, deu esporro nele e ele ainda falou que era tudo mentira nossa, que ele não tinha feito nada, e voltou a dormir, todo mijado! hahahhahah

responder
Avatar Edson

Não, é? Também acho que as vezes valorizamos mais uma viagem que tenha tido um bom perrengue (claro que sem consequência).

Até hoje lembro de acordar com uma fileira de picadas de pulga no hostel de la paz, sair correndo que nem maluco no aeroporto de paris para não perder voo ou tentar explicar na farmacia em Cusco que talvez estivesse com verme.

Sempre rendem as melhores histórias.

responder
Avatar Ana Zacchello

Hahahaha ainda estou rindo com a situação do xixi na penteadeira do quarto!!! Imagina se fosse na cama de alguém? Poderia ter sido ainda pior! 😛

responder
Avatar Guaciara

Gente do céu, colega de quarto fazendo xixi na penteadeira, hahhahah! E que malz esse negócio do carro no Uruguai!

responder
Avatar Simone Hara

Fui obrigada a rir com o mijão da madrugada!! Hilário!!
Também tenho imenso carinho pelos meus perrengues de viagem!

responder
Avatar Gisele Prosdocimi

Nossa, Mari, não sei qual dos que você citou é pior, mas tenho uma ligeira impressão de que o colega do quarto do hostel está perto de ganhar o primeiro lugar. Duvido que tenho conseguido ter uma boa noite de sono depois dessa situação. kkk

responder
Avatar Stephanie

Nossa Mari! Menina, esse seu causo do cara fazendo xixi dentro do quarto me lembrou de uma história que aconteceu comigo em Oslo. Eu fiquei num hostel e o quarto tinha umas 8 camas. Tava rolando umas festas na cidade e tudo lotado, o povo na rua, a maior muvuca. E eis que um dia de madrugada eu estava dormindo e um cara bebado deitou na minha cama! Eu levei tanto susto que chutei o coitado! hahaha No dia seguinte quando acordei ele tava dormindo em cima da mesa, e a galera do quarto tirando foto adoidado da cena.

responder
Avatar Claudia Pegoraro

Bah, ficar sem mala deve ser o ó do perrengue! Não gosto nem de falar no assunto pra não atrair, mas esse é um dos poucos perrengues que nunca tivemos!

responder
Avatar Talita

Por mais bem planejada que seja a viagem, sempre vai rolar um perrengue. Lembro do meu desespero quando fiquei presa, sem transporte, em uma cidade cubana no interior da ilha e de como sofri para conseguir um carro (ilegal) e ainda fui parada pela polícia. Hoje virou história divertida, mas foi um sufoco na hora… rs

responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.